Gosto, Não Gosto

Gosto das redes sociais, têm-me ajudado a coscuvilhar um pouco mais da vida dos meus amigos e restabelecer contacto com outros que ao longo dos tempos fui perdendo o contacto (propositadamente ou não).

Não gosto do Facebook só ter um botão de Like. Também devia ter um de dislike! E aparecer na nossa linha temporal de interacções.

Gosto de saber as últimas notícias via Twitter, assim perco menos tempo a ler e a pôr-me em dia com o que é importante e interessante para mim.

Não gosto dos jogos e aplicações no Facebook, só servem para encher o ecran de notificações desinteressantes e as linhas temporais com perguntas e elações ridículas (quem acredita que eu tenho um corpo de deus grego ou que me irei casar aos 17 anos?), e pontuações que só demonstram o quanto as pessoas conseguem ser improdutivas no local de trabalho.

Gosto de ligar a televisão e ver situações hilariantes ( = vídeos de pessoal a cantar mal que se farta em programas onde se procura talento) no YouTube e de poder partilhar no Twitter e no Facebook.

Não gosto de pedidos de amizade no Hi5. Mas quem é que ainda vai ao Hi5? Eu não!

Gosto de aceder ao Soundcloud e ouvir boa música, criada por novos talentos.

Não gosto de ser abordado no Twittter com perguntas como qual é o sabor do gelado que estou a comer. Não ficam satisfeitos por saber que estou a comer um gelado? Curiosos…

Gosto de partilhar no Gowalla e no FourSquare um bom restaurante onde fazem umas pataniscas e um bacalhau espiritual fantástico.

Não gosto que o Facebook ache que todos os amigos dos meus amigos, também são meus amigos. Alguns deles nem os quero ver à frente cobertos de ouro.

Gosto do LinkedIn para trabalhar e pela oportunidade de partilha de conhecimento e experiências profissionais que sejam de interesse comum.

Não gosto de quem tem de ir todos os dias às redes sociais dizer bom dia e boa noite. Quero lá saber quando é que acordam e quando se deitam.

Gosto do Instagram para fotografar, editar e publicar instantâneos do meu dia a dia que sinta que realmente valem a pena ser partilhados. Claro está que eu não apareço para não estragar a fotografia!

Não gosto de marcas que criam perfis e páginas em redes sociais e não têm nada para nos dizer. Afinal porque é que criaram uma página se não querem falar connosco?

Gosto, a sério que gosto! Gosto de desligar o computador, pegar na trela e ir passear o meu cão. É saudável, divertido e sociável.

Este artigo foi publicado no site www.leak.pt

 

Deixe o seu comentário